• Home
  • Leitura Dinâmica
  • CÂMARA DE CUIABÁ APROVA AQUISIÇÃO DE ABSORVENTES PARA MULHERES DE EXTREMA POBREZA

CÂMARA DE CUIABÁ APROVA AQUISIÇÃO DE ABSORVENTES PARA MULHERES DE EXTREMA POBREZA

De extrema sensibilidade a ação dos vereadores Cuiabanos em derrubar veto do prefeito Emanuel Pinheiro.

A Câmara Municipal, sob Juca do Guaraná, promulgou uma lei que, na prática, obriga o município a distribuir gratuitamente absorventes internos e/ou externos nas unidades de saúde e centro de referência da Assistência Social (CRAS) para pessoas em situação familiar de extrema pobreza e em situação de rua. A Lei 6.712, em vigor desde o último 1º de outubro, estabelece que o absorvente higiênico seja considerado um produto de higiene básica e essencial. Entende que isso reduz a desigualdade social e ajuda na aceitação do ciclo menstrual como um processo natural do corpo.

Que sirva de exemplo para o Congresso Nacional. Bolsonaro vetou uma Lei com o mesmo escopo.