• Home
  • Geral
  • Instituições se mobilizam pelo Fim da Violência contra as Mulheres
Imagem: Getty Images

Instituições se mobilizam pelo Fim da Violência contra as Mulheres

De 20 de novembro, Dia Nacional da Consciência Negra, a 10 de dezembro, Dia Internacional dos Direitos Humanos, acontece a mobilização nacional pelo Fim da Violência contra as Mulheres. O Ministério Público do Estado de Mato Grosso, por meio do Centro de Apoio sobre Estudos de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher e Gênero Feminino, aderiu ao movimento. Nos próximos 21 dias, a instituição intensificará a divulgação dos canais de denúncias, orientações e informações sobre a atuação das Promotorias de Justiça no enfrentamento à violência contra a mulher.

Em 2019, o Ministério Público Estadual ofereceu 5.585 denúncias relacionadas à violência doméstica contra a mulher. Este ano, até o dia 19 de novembro, já foram 3.360 denúncias criminais. Os números, segundo a coordenadora do Cao Violência Doméstica, promotora de Justiça Lais Glauce Antonio dos Santos, são preocupantes.

“São dados alarmantes que exigem do Poder Público a adoção de medidas que possam reverter esse quadro. No MPMT, o fomento à prevenção e repressão ao tráfico de drogas e crimes violentos, como homicídio, latrocínio e feminicídio, é um dos objetivos estratégicos estabelecidos no planejamento até 2023. Promotorias de Justiça de todo o estado estão sendo estimuladas a implementar a Rede de Enfrentamento à Violência Contra a Mulher para assegurar a redução da taxa de feminicídio”, destacou a coordenadora.

ORIGEM: Conhecido inicialmente como 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres, a iniciativa foi criada em 1991, por 23 feministas de diferentes países, reunidas pelo Centro de Liderança Global de Mulheres (CWGL), localizado nos EUA. Trata-se de uma mobilização educativa e de massa, que luta pela erradicação desse tipo de violência e pela garantia dos direitos humanos das mulheres.

Atualmente, acontece em 159 países. Internacionalmente, tem início no dia 25 de novembro (Dia Internacional da Não-Violência contra as Mulheres) e término no dia 10 de dezembro (Dia Internacional dos Direitos Humanos). Neste período, mais duas importantes datas são celebradas: 1º de dezembro, Dia Mundial de Combate à AIDS, e 06 de dezembro, Dia de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres.

 

 

 

INFORMAÇÃO VIA CLÊNIA GORETH / MPMT