• Home
  • Geral
  • Polícia fecha aviário que misturava carne de pombo a galeto
(crédito: Reprodução/PCERJ/Twitter)

Polícia fecha aviário que misturava carne de pombo a galeto

Agentes da Delegacia do Consumidor (Decon) do estado do Rio de Janeiro fecharam, nesta terça-feira (13/10), um aviário que misturava carne de pombos, galinhas, patos e codornas, entre outros, para a venda sem identificação. Segundo informações da assessoria de comunicação da Polícia Civil do Rio de Janeiro (PCERJ), o dono do local foi preso em flagrante — e não teve o nome divulgado.

O aviário estava localizado no bairro Paraíso, em São Gonçalo, Região Metropolitana do Rio de Janeiro. De acordo com o delegado da Decon, André Neves, a ação da polícia foi motivada por uma denúncia anônima que apontava o comércio de carne de pombo vendida como galeto. O titular ainda sinalizou que o material apreendido foi encaminhado para a perícia, em ordem de atestar quais animais que de fato estavam sendo vendidos.

Em um vídeo divulgado nas redes sociais, a Polícia Civil mostra um verdadeiro cenário de horror no local do aviário. As carnes estavam guardadas em vasilhas plásticas cobertas apenas por um pano de algodão. Além do condicionamento, chama a atenção no vídeo a quantidade de moscas sobre o alimento cru. Veja:

#Decon estoura aviário que vendia espécies de aves misturadas para os clientes. Os policiais foram ao estabelecimento após receberem denúncias de que lá eram comercializados pombos como se fossem galeto.

 

 

Ronayre Nunes Via Correio Braziliense