• Home
  • Polícia
  • Estado demite funcionário que confessou ter furtado 11 aparelhos celulares
(Foto: André Romeu/Gcom - MT)

Estado demite funcionário que confessou ter furtado 11 aparelhos celulares

O governo de Mato Grosso, publicou nesta terça-feira (13), uma nota informando que demitirá o funcionário que confessou ter furtado 11 celulares no setor administrativo da Casa Civil.

O caso ocorreu no dia 18 de abril deste ano, quando 18 celulares haviam desaparecido de um armário. O fato foi denunciado na Delegacia Especializada de Crimes Fazendários e Contra a Administração Pública, com os dados fornecidos pelo Governo, o caso foi encaminhado para a Delegacia de Roubos e Furtos, que realizou todo o procedimento investigatório.

Na manhã desta terça-feira (13.08), após depoimento de uma testemunha, a investigação se desdobrou e culminou com a condução de um servidor comissionado, para esclarecimentos dos fatos.

Ao prestar os esclarecimentos, o servidor confessou o furto de 11 celulares ao invés de 18. Diante da confissão, o Estado procederá com o desligamento do servidor.

De acordo com as informações da Delegacia de Roubos e Furtos, após ser ouvido, o servidor foi liberado, por não haver flagrante. No entanto, o delegado do caso informou que irá representar junto ao Poder Judiciário pela prisão preventiva do acusado.

 

*Com informações da Secretaria de Comunicação de Mato Grosso