• Home
  • Alô Prefeito
  • Várzea Grande : Servidores da Saúde são capacitados no reforço da política de humanização

Várzea Grande : Servidores da Saúde são capacitados no reforço da política de humanização

O SUS é um Sistema integrado que possui várias ferramentas de gestão

Com o objetivo de prestar um atendimento mais humanizado à população, propiciar um momento de integração entre as equipes envolvidas e criar melhores condições de trabalho aos servidores, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) promove o curso Atendimento Humanizado, oferecido a funcionários efetivos e novos concursados que trabalham no primeiro acolhimento dado a pacientes e familiares, como porteiros, e auxiliares administrativos, enfermeiros, assistentes e mesmo médicos que trabalham no Pronto Socorro.

Qualificação das práticas de gestão, ferramentas disponíveis, mecanismos do funcionamento da rede SUS, e do cuidado em saúde, diretrizes e protocolos são os principais pontos da capacitação que está sendo realizada, na Oficina de Acolhimento aos Servidores .

São cerca de 130 servidores divididos em duas turmas que exerceram diversas funções entre técnicas e administrativas, tanto do Hospital e Pronto Socorro Municipal de Várzea Grande (HPSM-VG), Unidade de Pronto Atendimento (Upa) Ipase e das unidades básicas secundárias.

De acordo com instrutor Tony José de Souza, a oficina de treinamento só foi possível porque o Instituto Impactos Brasil, possui parceria com a Saúde Municipal, para a realização de formação dos servidores da Saúde do município. O curso de instrução tem a finalidade de introduzir os servidores às particularidades do Sistema Único de Saúde de Várzea Grande, seus protocolos clínicos diretrizes, sistemas de gestão e ainda implementar a Política de Humanização não só no acolhimento, como orientações e estratégicas que os servidores poderão utilizar no dia a dia do atendimento à população.

“A oficina abre as perspectivas dos funcionários do Sistema Único de Saúde de elevar sua capacidade de conhecimento profissional. O SUS é um Sistema integrado entre os entes federados, e seus Sistemas de Gestão são conectados uns aos outros, e para iniciar os trabalhos é necessário expandir áreas de conhecimentos. Por exemplo o Hospital e Pronto Socorro já funciona de forma informatizada, onde o atendente entra no sistema para cadastro do paciente, em a cada procedimento já e registrado tudo o que o paciente realizar em sua ficha técnica e todos os exames e laudos são anexados, chegando ao médico todas as informações necessárias para o diagnóstico e tratamento da doença, de forma rápida e célere. Capacitando nossos servidores, temos a certeza de que estamos melhorando cada vez mais o atendimento na ponta”, disse o secretário municipal de Saúde Diógenes Marcondes.

A última convocação foi realizada em novembro do ano passado. Nesta fase atual os servidores estão sendo empossados e preparados a assumirem seus cargos. “No total foram abertas 998 vagas, 744 candidatos aprovados, sendo desses 590 já convocados. A previsão é de que ainda no primeiro semestre de 2019 todos os aprovados sejam convocados a compor o efetivo da Saúde de Várzea Grande”, informou  Diógenes Marcondes.

Foram convocados os aprovados nos cargos de fonoaudiólogo, técnicos administrativos, gestores públicos, enfermeiros, nutricionistas, técnicos em segurança do trabalho, odontólogos, agentes de segurança e manutenção, motoristas, auxiliar de saúde bucal, técnico em enfermagem, técnico em laboratório e técnico em radiologia e médicos.

“Atualmente, o município de Várzea Grande conta com 40 unidades de saúde. Até o mês de maio, mês do aniversário do município, 152 anos, a prefeitura tem previsão de entregar a população mais uma unidade de Pronto Atendimento, a UPA do bairro Cristo Rei, além de três unidades de saúde que estão em construção e outras sete em processo de licitação”, finalizou Diógenes Marcondes.

 

Com Informações de Letícia Kathucia – Secom/VG