• Home
  • Economia
  • Desenvolve MT recebe mais de R$ 15 milhões para financiar turismo em MT
Seminário de Avaliação do Fundo Geral de Turismo em Brasília - Foto Assessoria

Desenvolve MT recebe mais de R$ 15 milhões para financiar turismo em MT

Em todo país, apenas oito instituições financeiras estarão habilitadas para fazer empréstimos com recursos do Fungetur

O ministro do Turismo, Vinicius Lummertz, assinou  em Brasília, durante o 1º Seminário de Avaliação do Fundo Geral de Turismo, o termo aditivo que libera mais de R$ 15 milhões do Fungetur para a Agência de Fomento do Estado de Mato Grosso – Desenvolve MT.

A linha de credito é voltada para micro e pequenos empresários que atuam no setor turístico. Sendo que o recurso pode ser utilizado para construção, reforma, ampliação ou compra de equipamentos. Em todo país, apenas oito instituições financeiras estarão habilitadas para gerir o recurso.

“O turismo em Mato Grosso tem uma grande potencialidade a ser explorado tanto no ecoturismo, quanto no turismo de negócios, por conta do agronegócio. Disponibilizar o recurso do Fundo do Turismo para o micro e pequeno empreendedor é investimento certo na economia do Estado”, declarou José Adolpho Vieira, presidente da Desenvolve MT, durante o evento em Brasília.

Ministro do Turismo Vinicius Lummertz e o Presidente do DesenvolveMT José Adolpho Vieira – Foto Assessoria

Em janeiro deste ano, a Desenvolve MT recebeu o primeiro aporte de recurso do Ministério do Turismo (Mtur), cerca de R$ 5,5 milhões, por meio do Fungetur, recurso esse que já foi liberado pela Agência de Fomento de Mato Grosso para cerca de 20 operações.

O financiamento de maior valor foi liberado para aquisição de máquinas, equipamentos e construção do primeiro ‘open mall’ do Estado, inaugurado em outubro de 2018, na cidade de Sinop. O espaço une serviços, lojas, espaço kids, buffet e gastronomia em 25 pontos comerciais e vai gerar mais de 100 empregos diretos e 290 empregos indiretos para a população local.

De acordo com o secretário Nacional de Estruturação do Turismo, José Antônio Parente, este é um recurso barato com juros menores que o praticado do mercado. “A Desenvolve MT foi um dos oito bancos que conseguiu atingir a meta por disponibilizarem o recurso do Fungetur aos empreendedores”.

“Considerando que a tratativa desse recurso tinha começado há alguns meses e que estamos a poucos dias de encerrar a atual gestão, tivemos o cuidado de consultar a equipe de transição do governador eleito para validar a decisão”, esclareceu José Adolpho.

Fungetur

É um mecanismo de crédito essencial ao fomento do turismo como negócio e estratégia para o desenvolvimento social e econômico – geração de emprego e renda, inclusão social e melhoria da qualidade de vida. Os financiamentos têm prazo de amortização de até 20 anos com até cinco anos de carência. Os juros são a partir de 5% ao ano somados mais o INPC.

A exigência do Ministério do Turismo é que o empreendimento esteja cadastrado no Cadastur, sistema de cadastro de pessoas físicas e jurídicas, que atuam no setor do turismo. O cadastro, que pode ser feito no site do Ministério do Turismo, permite que o Ministério e os estados tenham acesso a diferentes dados sobre os Prestadores de Serviços Turísticos.

 

Por Milena Silva  – DesenvolveMT