• Home
  • Brasil
  • Gilmar Mendes manda soltar ex-presidente da Fecomércio do RJ
© Reuters

Gilmar Mendes manda soltar ex-presidente da Fecomércio do RJ

Orlando Diniz estava preso desde fevereiro último, acusado de participar de esquema criminoso que desviou mais de R$ 10 milhões em recursos públicos

ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes concedeu habeas corpus a Orlando Diniz, ex-presidente da Fecomércio do Rio de Janeiro. Ele estava preso desde fevereiro último.

“Defiro o pedido de liminar para suspender a ordem de prisão preventiva decretada em desfavor do paciente Orlando Santos Diniz. (…) Comunique-se, com urgência, ao Juízo de origem”, diz a decisão, de acordo com o portal G1.

Diniz é acusado de participar de um esquema criminoso que desviou mais de R$ 10 milhões em recursos públicos provenientes do Serviço Social do Comércio (Sesc) e do Serviço Nacional de Aprendizagem do Comércio (Senac), em esquema de lavagem de dinheiro com notas fiscais sem a prestação de serviços e com o pagamento de funcionários fantasmas ligados a pessoas de confiança do ex-governador Sérgio Cabral.

Na denúncia, o Ministério Público Federal (MPF) o acusa de lavagem de dinheiro, corrupção ativa e passiva, e organização criminosa, sendo o principal alvo da Operação Jabuti, deflagrada no dia 23 de fevereiro, em uma ação conjunta do MPF, Polícia Federal e Receita Federal, dento da Operação Calicute, um desdobramento da Lava Jato no Rio de Janeiro.

Por Notícias ao Minuto