• Home
  • Cidades
  • Tarifa de energia fica mais cara a partir de domingo em MT
(Foto: Reprodução/Internet)

Tarifa de energia fica mais cara a partir de domingo em MT

Para consumidores residenciais o reajuste médio alcançará 13,98%

A partir do próximo domingo a tarifa de energia pesará mais nos bolsos dos mato-grossenses. A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) aprovou hoje o reajuste para os consumidores atendidos pela Energisa Mato Grosso (EMT).

O reajuste faz parte da revisão tarifaria da concessionária, que ocorre periodicamente a cada cinco anos e está prevista nos contratos de concessão, que tem por objetivo obter o equilíbrio das tarifas com base na remuneração dos investimentos das empresas voltados para a prestação dos serviços de distribuição e a cobertura de despesas efetivamente reconhecidas pela ANEEL.

Audiências públicas para debater os assunto foram realizadas nos primeiros meses do ano em Cuiabá. Nelas foram discutidos a qualidade do serviço e os limites dos indicadores de continuidade da Duração Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora (DEC) e Frequência Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora (FEC) dos conjuntos da EMT estipulados para o período de 2019 a 2023.

 

A Energisa atende a 1,3 milhão de unidades consumidoras em 141 municípios de Mato Grosso. Para estes consumidores, a Aneel autorizou o aumento médio de 11,53% nas contas de luz.

As unidades do estado atendidas pela alta-tensão terão reajuste com efeito médio de 5,94%. Já para as unidades residenciais, o percentual é mais que o dobro. Para estes consumidores, o reajuste médio alcançará 13,98%.

Por Jeverson Missias – Da Redação