• Home
  • Política
  • ALMT : Oposição quer garantir mais transparência na CPI das pedaladas
Deputada Janaina Riva e Alan Kardec - Membros da CPI dos Fundos - Foto Ednilson Aguiar/O Livre

ALMT : Oposição quer garantir mais transparência na CPI das pedaladas

Requerimentos serão apresentados durante a primeira reunião ordinária da CPI. Allan quer garantir que os encontros sejam públicos, como prevê o Regimento Interno da ALMT

O deputado Allan Kardec (PT) apresentará nessa terça-feira (06), requerimentos para garantir mais transparência na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) criada para investigar suposto desvio de recursos do Fundo Estadual de Transporte e Habitação (Fethab) e do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

Os requerimentos serão apresentados a partir das 14h, durante a primeira reunião ordinária da CPI. Allan quer garantir que os encontros sejam públicos, como prevê o artigo 384, parágrafo 2° do Regimento Interno da Assembleia Legislativa, bem como transmitidos ao vivo pela TV Assembleia para todo o estado.

“A população está ansiosa para ver essa CPI realizando o seu papel na condição de protagonista na fiscalização de atos do Executivo. Temos que atender essa expectativa e será com a participação popular que isso será possível”, afirma Allan, sub-relator da CPI. Allan foi um dos responsáveis pela criação da comissão parlamentar. “Vamos também convidar segmentos organizados da sociedade para que participem ativamente e garantam total independência dos nossos trabalhos”, completa.

FAZENDA – O deputado Allan também fará a entrega de requerimentos ao governo solicitando o memorando de exportação de Mato Grosso dividido por empresas nos últimos meses.  A CPI terá reuniões ordinárias às terças-feiras, a partir das 14h. Os trabalhos podem se estender por até 180 dias.

 

Da Assessoria – Por Teonas de Meneses Moura