• Home
  • Saúde
  • Caravana da Transformação : Primeiro dia termina com mais de 600 atendimentos

Caravana da Transformação : Primeiro dia termina com mais de 600 atendimentos

O primeiro dia da Caravana da Transformação terminou com saldo de 610 consultas e 2.451 exames, além de testes de visão e outros procedimentos. As consultas são realizadas no Parque de Exposições Deputado Renê Barbour, em Barra do Bugres (168 km a médio-norte de Cuiabá), e os exames serão realizados até o dia 20 de julho.

De acordo com o levantamento realizado pela coordenação da Caravana, 215 pessoas foram diagnosticadas com catarata, 39 com pterígio. Neste primeiro momento, foram realizadas somente as consultas oftalmológicas e as cirurgias estão agendadas para os próximos dias.

Para serem atendidos, os pacientes procuraram as prefeituras participantes desta primeira edição e foram encaminhados para o local da Caravana. Nesta terça-feira (12.07) foi dada prioridade para os moradores de Barra do Bugres. Entre os atendidos está Marli Barbosa, de 59 anos, mas que há mais de 10 anos não recebia atendimento oftalmológico. “Atendimento nota mil. Foi rápido, maravilhoso, as meninas atenderam a gente com muito carinho”.

A Caravana também foi elogiada por Altemir de Almeida Soares, de 58 anos, que realizou a consulta nesta terça-feira (12.07) e teve a primeira cirurgia agendada para quinta-feira (14.07) e a outra para daqui 30 dias. “Atendimento muito atencioso, meninas legais demais. Nunca tinha visto médicos tão atenciosos também. Melhor do que esse, até hoje não achei não”, afirmou.

Altemir ainda disse que nunca tinha realizado tantos exames para diagnosticar os problemas de visão. Cada paciente realiza, em média, cinco exames diferentes.

Para atender a população de 11 municípios da região médio-norte de Mato Grosso, o Governo montou uma grande estrutura no Parque de Exposições de Barra do Bugres. Mais de 80 profissionais atuam no atendimento, quatro caminhões são usados na estrutura, sendo que um é exclusivo para a realização de cirurgias.

O hospital municipal da cidade foi preparado para receber casos de necessidade de internação. O governo também disponibilizou ambulâncias para realizar o transporte de algum caso emergencial.

As cirurgias começarão a ser realizadas nesta quinta-feira (21.07) e serão acompanhadas por uma equipe de profissionais. Os pacientes serão avaliados 24 horas após a cirurgia, sendo reavaliados sete dias depois do procedimento. Um mês depois, os pacientes farão uma consulta final para assegurar o sucesso da cirurgia.

Pelas cirurgias, o Governo do Estado pagará o valor indicado na tabela do Sistema Único de Saúde (SUS). Todos os procedimentos serão auditados pelo Tribunal de Contas para garantir a efetividade do contrato.

Áreas de atuação

Além dos atendimentos oftalmológicos, a Caravana da Transformação terá os dias “D” com uma série de serviços oferecidos à população, nos dias 16 e 17 de julho. Um exemplo são as consultas e orientações sobre a hanseníase, doença com alto índice de incidência no estado.

Os moradores também poderão fazer o cadastro e confecção do Cartão SUS, 2ª via de certidões (nascimento, casamento, óbito), Carteira de Trabalho, Carteira de Pescador Amador, CPF, CadÚnico, Carteira de Identidade, foto 3×4, declaração de hipossuficiência, serviço de referência e contrarreferência para a rede de proteção social, inscrição em cursos de capacitação, intermediação de mão de obra e embelezamento.

Serão oferecidas oficinas com os seguintes temas: Postura no mercado de trabalho, sensibilização para o trabalho, orientação aos pais (conflitos familiares), programa de economia criativa, políticas culturais – mapas culturais, sistema estadual de cultura e marco regulatório das organizações da sociedade civil, primeiros socorros e atendimento a acidente doméstico, resistência ao uso de drogas e prevenção ao uso de drogas lícitas e ilícitas.

A Caravana da Transformação ainda realizará serviços complementares de educação para o consumo, processos de segurança, boletim de ocorrência, assistência rural, proteção social, emissão de declaração de hipossuficiência, orientação jurídica, oferta de crédito, fotocópias e plastificação de documentos.

Parceiros

Para realizar o projeto, o Governo do Estado conta com diversos parceiros divididos em duas modalidades. Os parceiros fixos são: WWF Brasil, Senar, Senac, Senai, Incra, Defensoria Pública. Os órgãos do Estado envolvidos são: Unemat, Procon-MT, Samu, MTI, MT Fomento, Intermat, Empaer e Detran-MT.

Cada edição contará com parceiros regionais. Nesta edição, a Caravana da Transformação contará com o apoio do Sindicato Rural de Barra do Bugres, Projeto Inclusão Literária, Galvan – Escola de Cabelereiro e Grupo Barralcool.

Por Gustavo Nascimento e Thiago Andrade | Gcom-MT